Conteudo Skip Navigation Links
Skip Navigation Links
NOTÍCIAS
23-10-2017
Encontros de Ética
“Uma vida, uma história, um olhar sobre o fim”. Foi este o mote dos primeiros Encontros de Ética, organizados pela Comissão de Ética do Centro Hospitalar do Médio Tejo.

“Uma vida, uma história, um olhar sobre o fim”. Foi este o mote dos primeiros Encontros de Ética, organizados pela Comissão de Ética do Centro Hospitalar do Médio Tejo.

Neste primeira sessão debateram-se temas que se encontram na ordem do dia, com destaque para a “Ética, Saúde e Cuidados Paliativos na prática clínica”, “Os conceitos de fim de vida” e “A vida e a sua finitude”.

Na abertura deste encontro, João Dias, presidente da Comissão de ética do CHMT, referiu “a importância que a ética na saúde representa na atualidade, como forma de combater os abusos que existiam na experimentação humana”, bem como “o desenvolvimento e impulso da ética a partir da segunda metade do século XX”.

Cristina Gonçalves, diretora clínica, e Ana Paula Eusébio, enfermeira diretora, enalteceram o importante papel da Comissão de Ética do CHMT.


O primeiro tema em discussão versou os Cuidados Paliativos, a sua definição e a evolução dos cuidados paliativos em Portugal. Nesta mesa participaram Célia Gonçalves, dos Cuidados Paliativos da Santa Casa da Misericórdia de Lisboa, Rui Silva e Fernanda Vital, dos Cuidados Paliativos do CHMT.


“Os conceitos de fim de vida” foi o tema apresentado pelo Gilberto Couto, autor do livro “Eutanásia descodificada”, cuja intervenção focou os conceitos de eutanásia, as várias formas de eutanásia versus distanásia; A importância dos limites; A vontade do doente; O profissional perante a eutanásia e Os limites da lei perante a eutanásia.


Nuno Catorze, diretor da Unidade de Cuidados Intensivos do CHMT falou sobre “a vida e a sua finitude”, sublinhando a importância da comunicação com doente e família nos serviços de cuidados intensivos e nos momentos críticos, na importância do respeito pelo doente e no estabelecimento de limites.

Também neste painel intervieram António Faria Vaz, da Comissão de Ética para a Saúde da ARSLVT, que destacou a ética no cuidado com o idoso e José António Ferraz Gonçalves autor do livro “A Boa Morte”.


José Manuel de Almeida, da Comissão de Ética para a Saúde da ARSLVT encerrou os trabalhos destes primeiros Encontros de Ética do CHMT.

Governo de Portugal, Ministério da Saúde